O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Assédio por intrusão (stalking)

Um perseguidor obsessivo priva a vítima de liberdade e a submete ao medo. Existe uma tendência desse ato ser direcionado às mulheres, principalmente após o término de um relacionamento. A idealização das relações, que foi acentuada pela segunda geração do romantismo, trouxe uma sensação de posse doentia sobre o outro.


É indubitável que uma sociedade que crê na pessoa perfeita e defende laços eternos, encontra dificuldades para aceitar o rompimento de um modo saudável. Muitas vezes o homem se recusa a deixar a sua antiga companheira em paz e a persegue insistentemente. Um termo comum de parecer nos noticiários é o crime passional, que nada mais é do que prejudicar alguém movido por paixão.


Logo, fica evidente que até mesmo no cenário jurídico, as atitudes de stalkers encontram justificativas. É como se um suposto amor pelo outro, lhe permitisse aterrorizá-lo e se fazer presente na vida dele, sem que este permita. Ou seja, a gentileza é confundida com assédio.


Destarte, torna-se urgente a intervenção do legislativo, mediante a elaboração de leis rigorosas referentes a essa problemática. Além disso, cabe à escola o papel de conscientizar por meio de palestras os perigos da perseguição e a necessidade do respeito ao espaço do próximo. Desse modo, será garantido o direito à liberdade proposto pelos iluministas como comum a todos.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!