O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

As dificuldades da inserção de jovens no mercado de trabalho

A desputa por um emprego está cada vez mais difícil, afetando principalmente os mais jovens. Segundo uma pesquisa do IBGE, dos últimos onze anos, mostra que a quantidade de jovens desempregados aumentou. No ano de 2003, pouco mais de 46% da população dessa faixa etária já estava empregada, no entanto, no ano de 2013, ou seja, dez anos mais tarde, essa porcentagem aumentou para pouco mais de 49,5%. Esse problema também é sinalizado pela Organização Internacional do Trabalho. Em 2011, a taxa de desemprego entre jovens de 15 a 24 anos, no Brasil, superou à média registrada na América Latina, que era de 13,9%, enquanto no Brasil era de 15,3%. A busca de um jovem recém formado no ensino médio por emprego pode demorar meses e mesmo com qualificações a mais, o que em tese deveria facilitar a busca, pode acabar não ajudando, tendo em vista que as empresas ainda não confiam nos jovens o suficiente para oferecer um cargo de acordo com as qualificações. No mercado já vagas, porém as empresas estão mais exigentes e o leque de profissionais com cursos técnicos ou ensino superior está maior. Em alguns casos há milhares de inscrições para uma vaga e o filtro de seleção está cada vez mais criterioso, deixando assim, o jovem em desvantagem. De um lado vamos ter um profissional com ano de experiência no currículo mais duas ou três língua e de outro teremos jovens recém formados no ensino médio, em sua grande parte imaturos e ansiosos. Ainda segundo o IBGE, a porcentagem da população com 11 anos ou mais de estudo passou de 46,7% para pouco mais de 63%. Algumas atitudes, no entanto, podem ajudar os jovens nesta disputa pelo primeiro emprego. Redimensionar o que vai ser possível naquele momento é uma delas, nem sempre vai ser possível ter aquele emprego dos sonhos no primeiro momento, e é essencial entender que isso é uma construção em andamento, que você vai passar por vários passos até chegar no emprego que deseja. Demonstrar pró-atividade, determinação e vontade de aprender, são coisas que os jovens podem mostrar numa entrevista.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!