O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

As altas taxas de feminicídio no Brasil

A preocupação com o aumento da taxa de feminicídio no Brasil está presente na sociedade moderna. Diante disso, podem ser discutidos a discriminação com o sexo feminino e a violência contra a mulher.


 


Em primeira análise, é necessário citar sobre a discriminação com o sexo feminino. Nesse contexto, vale ressaltar que desde a chegada dos portugueses em terra brasileira, ocorrida no fim do século XV, terra a qual os índios já pertenciam. As índias sofriam forte opressão dos portugueses, que eram obrigadas muitas vezes a ter relações sexuais e vistas como objeto de prazer, sendo utilizadas como "escravas". Desde então pode-se observar que muitos homens ainda carregam em si, esse espírito machista. Na qual a Constituição Federal do Brasil e os Direitos Humanos asseguram que "homens e mulheres são iguais sem distinção...".


 


Em segunda análise, cita-se também sobre a violência contra a mulher. Diante disso, como expresso acima que "muitos homens carregam em si, esse espírito machista", ressalta-se que muitas vezes isso gera consequências graves, trazendo como resultado a morte da mulher ou sequelas permanentes, sem contar os traumas físicos e psicológicos. Deixando a marca da forte opressão que o sexo feminino sofre, em sua grande parte vindo da própria família, até mesmo cônjuge, conhecido como violência doméstica. 


 


Por fim, observa-se que para o combate ao aumento da taxa de feminicídio no Brasil, medidas devem ser tomadas. Através do Governo, criando leis que contenham punições mais eficazes para os agressores, bem como, disponibilizando medidas protetivas eficazes para as vítimas. Através também da vítima realizando a denúncia, caso ameaçada ou sofra algum tipo de violência. Evitando assim, a redução da taxa de feminicídio no Brasil.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!