O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Ansiedade: a doença dos millennials

As pinceladas densas e de notável rápidez dos pintores impressionistas demonstravam a luta contra o tempo no registro das características da sociedade moderna que florescia, fundada na contingência, velocidade, na superprodução. Não obstante, não é somente nas artes que as impressões do momento histórico-social ficam marcadas, as sociedades tem também suas marcas histórico-patológicas . A ansiedade, conhecida como uma "patologia contemporânea " cresce exponencialmente e especialistas a relacionam diretamente com as dinâmicas de nossos tempos.
A era " pós-moderna", traz ainda muito da herança da modernidade. Inseridos num ambiente de cobranças de produtividade constantes, de uma velocidade das informações e relações os sujeitos adoecem. Não é mais o relógio biológico que coordena os dias, mas o acelerado do mercado, da produção - é como se mentalmente ocorresse o colapso do indivíduo como na cena clássica de " Tempos Modernos", de Chaplin, em que a sobrecarga no indivíduo o deixa desestabilizado e ele é esmagado pelas engrenagens das máquinas, metaforicamente esmagado pela dinâmica exaustiva da fábrica.
Vale lembrar ainda que a Ansiedade
patológica é definida por uma expectativa exacerbada e nociva de realizar atos, temendo contudo o desfecho. Pois tendo que realizar tantos atos simultâneos e com desfechos tão significativos pra vida como um todo, essa ansiedade se instala e devora os indivíduos.
Por fim, apesar do cenário preocupante de ascensão da ansiedade na população por sua dinâmica de vida, o transtorno ansioso é uma patologia muito mais esclarecida na medicina atual, tanto nas formas de desenvolvimento quanto de tratamento. Tendo isto em vista, como qualquer outra patologia o foco na prevenção e no tratamento no início apresentam mais efetividade.
O ministério da educação conjuntamente com o da saúde devem intervir em elaborando palestras em escolas e empresas sobre a Ansiedade, seus sintomas iniciais, como tentar evitá-la e como ter acesso ao tratamento para aqueles já acometidos . Além do processo informativo, num segundo momento esses órgãos para adquirir melhores resultados deveriam intermediar a criação de grupos de apoio tanto em escolas, quanto empresas ou até unidades de saúde. Tais grupos teriam encontros quinzenais visando informar e dividir experiências relacionadas à ansiedade.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!