O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Animais em cárcere

O tráfico e cárcere de animais silvestre sem uma devida permissão ou licença é considerado um crime, podendo pegar de seis meses a um ano de detenção. Pesquisas realizadas pela Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres (Renctas), apontam que esse tipo de crime movimente cerca de US$ 6 milhões por ano perdendo só para tráfico de drogas.

Esses crimes só ocorrem porque existem compradores, e como qualquer comércio existe lei de oferta e demanda, quanto mais raro o animal é, mais rentável ele vai ser e com esses aspectos esse comércio só tende a continuar. Além disso, antes de chegarem aos pontos de vendas muitos animais sofrem maus tratos e mutilações, por exemplo, cortam asas das aves para que fiquem impedidas de voarem e assim não fugirem.

As leis contra esse tipo de crime são brandas demais, muitas das vezes os infratores são condenados a pagar uma baixa multa, e assim retornando ao crime lucrativo. Essa prática prejudica uma boa parte do ecossistema que esse animal convive, alterando a cadeia alimentar e levando até extinção de algumas espécies.

Portanto, medidas são necessárias para resolver o impasse. O IBAMA (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis), deve inserir fiscalizações em lugares estratégicos como nas fronteiras, oferecer palestras públicas e organizar projetos governamentais para o controle e prevenção. Além disso, leis devem ser revista e reformuladas, a receita federal deve alocar verbas para centros de reabilitações de animais.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!