O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

Ações para o uso racional de medicamentos

Atualmente, é um desafio para muitas pessoas conseguir conciliar o cuidado com a saúde na rotina diária, em uma sociedade cada vez mais veloz. A partir dessa noção, pode-se aferir que o uso racional de medicamentos é prejudicado pela prática da automedicação e o hábito de postergar o cuidado com a saúde.
Primeiramente, percebe-se que a automedicação é um mal costume enraizado na sociedade. Consoante ao pensamento de E. Durkheim, a prática da automedicação é um Fato Social, que é assimilado inconscientemente pelo indivíduo. Desse modo, esclarecer as pessoas sobre os perigos dessa cultura é fundamental para garantir o bem estar social.
Outrossim, o hábito de não priorizar o cuidado com a saúde, leva o indivíduo a usar medicamentos de forma irracional. Segundo o médico Lair Ribeiro, aquele que arruma tempo para cuidar da sua saúde, necessitará arrumar tempo para tratar de sua doença. Dessa forma, a negligência com a saúde, torna o indivíduo suscetível ao uso demasiado de medicamentos.
Portanto, indubitavelmente, ações são necessárias para promover o uso racional de medicamentos. Nesse sentido o Ministério da Saúde deve divulgar nos meios de comunicação e redes sociais propagandas que estimulem o consumo consciente de medicamentos. Ademais, farmacêuticos engajados, como último profissional a ter contato com o paciente antes do início do tratamento, devem incentivar o uso racional de fármacos. Desse modo, viver em uma sociedade veloz não será um empecilho para cuidar da saúde.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!