O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

A reciclagem de lixo no Brasil

No limiar do século XVIII, o iluminismo já pregava que uma sociedade só progride quando seus cidadão se mobilizam para resolver o problema de outras parcelas do corpo social. Indo contra esse ideário, o brasileiro pouco tem feito para combater a problemática do lixo. Isso se evidencia não só pela pouca quantidade de pessoas que dão reuso a seus resíduos, mas também pela inabilidade estatal em reverter esse cenário tão prejudicial ao meio ambientene.


É irrefutável que muitas pessoas não fazem a reciclagem ou destinação correta de seus resíduos, confirmando a concepção do filósofo Sócrates de que "os erros são consequência da ignorância humana". Seguindo esse juízo, esses cidadãos descartam compostos que vão passar dezenas de anos para se decompor, como plásticos e fibras, ratificando uma reportagem do portal UOL do ano de 2016, segundo a qual o brasileiro recicla menos de 10% do lixo. Por conseguinte, a chance de uma grande colapso nos recursos naturais nacionais se torna cada vez maior.


Além disso, a falta de políticas públicas mais eficazes para solucionar a falta de aterros sanitários vai contra a coesão social postulada pelo Sociólogo Emile Durkheim, pois a União não construiu em número fuciente locais adequados para destinação dos lixos não recicláveis, afetando a continuidade socioambiental equilibrada local. Dessarte, isso deixou o país muito distante daquele do livro Utopia de Thomas Morus, no qual a população gozava da eficiência estatal. Desse modo, o Brasil fica muito distante de tal modelo ficcional de nação.


Logo, é impreterível a resolução dessa mazela social e ambiental nacional. Nessa perspectiva, ao Ministério do Meio Ambiente, por meio de resolução, visto que ela gera aplicabilidade imediata, destinar recursos para que os estados possam construir aterros sanintários para cada micro-região de seu território, interligando os municípios para solucionar essa demanda ambiental e sanitária. Além disso, o supracitado Ministério, junto à mídia, deve desenvolver campanhas informativas, passando para a população os benefícios para o meio ambiente e sociedade na reciclagem do lixo. Assim o país estará seguindo o modelo iluminista de sociedade.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!