O CUPOM VOUPASSAR35 É VÁLIDO POR: dias horas minutos segundos

A reciclagem de lixo no Brasil

Um dos maiores problemas ambientais que o Brasil enfrenta é a questão da reciclagem de lixo, que ainda se mostra ineficiente. Dentre os vários aspectos relevantes, pode-se citar as consequências do descarte inapropriado de resíduos nos grandes centros e a disparidade, no sentido territorial, de políticas de coleta seletiva.
Desde a Revolução Industrial, no século XVIII, o homem passou a consumir, cada vez mais, produtos industriais, possibilitando o surgimento do conceito da " sociedade de consumo". Esse aumento na consumação, somado ao fato de que a maioria dos produtos industriais não são biodegradáveis, acaba promovendo grande aumento de lixo, principalmente nos grandes centros urbanos, pois são nesses locais que estão concentradas as atividades comerciais e industriais. A falta de um forte sistema de reciclagem nessas áreas traz consequências ambientais e à saúde, haja vista a contaminação dos lençóis freáticos, proveniente, por exemplo, do descarte inadequado de produtos eletrônicos, além de prejudicar a economia, pois a atividade de reciclagem é capaz de movimentar uma quantidade enorme de dinheiro.
Além disso, os avanços da coleta seletiva estão restritos a certas regiões do país, como mostram os dados levantados pelo Compromisso Empresarial para Reciclagem (Cempre), que comprovam que grande parte dessas ações estão localizadas nas regiões Sul e Sudeste, representando apenas cerca de 18% do território nacional. Consequentemente, cria-se uma situação de total desigualdade e de descaso com muitos brasileiros, pois todas as regiões produzem lixo, independente da presença de atividades industriais ou de grandes percentuais demográficos.
Infere-se, portanto, que o investimento em políticas de reciclagem é uma preocupação de escala nacional. Sendo assim, cabe os Governo Federal, através de gastos públicos, ampliar as ações de coleta seletiva para todo território nacional, visando democratizar as ações sustentáveis no país. Ademais, buscando amenizar os problemas ambientais presentes nos grandes centros e possibilitando uma melhoria na economia nacional, os Governos Estaduais das regiões Sul e Sudeste, em parceria com organizações ambientais particulares, devem, por intermédio das iniciativas pública e privada, intensificar as ações de reciclagem, além de criar programas de conscientização social sobre o correto descarte de lixo. Assim, será possível caminhar para um país com menos impactos ambientais e com políticas sustentáveis mais democráticas.
Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!