ENTRAR NA PLATAFORMA
A banalização do coaching

Segundo o grande renascentista Leonardo da Vinci, "pouco conhecimento faz com que as pessoas se sintam orgulhosas, e muito deste, que se sintam humildes". Seguindo a ótica do autor, podemos afirmar que a banalização do coaching, está por consequência da ausência de conhecimento necessário no domínio do assunto em questão.


Primeiramente, vale ressaltar que, entre 2010 a 2014 ouve um aumento de 300% de coaching no Brasil, segundo a Folha Exame. Esse número exacerbado, trás consigo um grande teor de negatividade, pois a medida que aumenta o número de pessoas atuando como coaches, aumenta também a confusão sobre sua aplicabilidade. Desta forma, quem vende o serviço pode estar disposto a "solucionar" qualquer tipo de trabalho, como em um passe de "mágica", até mesmo adentrar em setores que não é designado a um coach, como a terapia, função a qual pertence a psicólogos e psiquiatras.


Nesse mesmo viés, soma-se a nossa atual realidade de celeridade,


uma vez que a nossa sociedade se apresenta cada vez mais apressada, as empresas tendem a exigirem e valorizam muito mais a rapidez de um serviço, do que a sua eficiência e o conhecimento necessário, que são fatores essenciais para atuação de um coach. Outrossim, essa troca de valores só contribui com o aumento de novos coach, que visam sobretudo o capital do que a realização da função, segundo Ex-presidente da International Coach Federation (ICF) no Brasil, Jorge Oliveira, fator que coadjuva na banalização da profissão.


Diante desse panorama, se torna mister a resolução desta problemática. Portanto, o International Coach Federation (ICF), concomitantemente com o Estado, de cada país, devem endurecer a legislação, colocando maiores restrições para formações de novos coach, tal como exigência de determinadas quantidades e tipos de cursos necessários para atuação no mercado. Ademais, realizar palestras gratuitas em teatros, afim de conscientizar e esclarecer as funções cabíveis de um coaching e sua importância no sodalício. Logo, poderemos desconstruir a banalidade hordiena imposta, trazendo mais profissionais dotados de conhecimento e humildade, como citou Da Vinci.

Ver todas as redações Corrija suas redações com a nossa plataforma! Clique aqui!
Message comes here!
Aguarde