PHP Uploader - By Phenix-TN & Mr.Anderson
Linux redacaonline-old 5.8.0-1035-gcp #37~20.04.1-Ubuntu SMP Thu Jun 17 16:04:29 UTC 2021 x86_64
okokok/var/www/public_html/blogokokok

Como usar o Enem para estudar fora?

por | jun 22, 2021

Saiba como usar a nota do ENEM para ingressar em universidades de outros países!

Neste momento, você deve estar se preparando para as provas do Enem, provavelmente, pensando em qual universidade brasileira você gostaria de estudar no ano que vem. Mas que tal ampliar esse horizonte e usar a sua nota do Enem para estudar fora do Brasil?

Se essa ainda não era uma possibilidade, saiba que diversas instituições de ensino internacionais aceitam a nota no Exame como requisito para ingresso. Então, acompanhe neste post em qual delas você poderá se inscrever e, quem sabe, comece a se planejar e arrumar as suas malas!

Portugal

Desde 2014, o Inep mantém um acordo com instituições de educação superior portuguesas, chamado Enem Portugal. Hoje, são 50 universidades que aceitam a nota do Enem para o ingresso. Mas fique atento: cada uma delas tem seus critérios individuais para aceitar alunos, além de um calendário próprio. Portanto, é necessário acessar a página do Inep, conhecer esses locais e ver os pré-requisitos que você precisa atender em cada uma delas.

No site da Universidade de Coimbra, por exemplo, você pode consultar um passo a passo para a inscrição. Também é possível verificar o cronograma, que já está em andamento. Se você perdeu os primeiros prazos, haverá uma fase extraordinária de inscrição entre os dias 18 e 29 de outubro deste ano. Não fez o Enem 2020? Não se preocupe. Conheça o Ano Zero, uma nova forma de acesso a essa universidade. Trata-se de um curso preparatório, com a duração de 1 ano letivo, que permite a aquisição de conhecimentos linguísticos e disciplinares necessários à candidatura aos cursos de graduação da Universidade de Coimbra.

Mas se essa cidade não está nos seus planos, conheça as outras 49 instituições disponíveis pelo Enem Portugal se sua escolha para estudar fora for nesse país!

Reino Unido

No Reino Unido, você tem algumas opções também para estudar fora usando a sua nota do Enem. Uma delas é tentar uma vaga na Universidade de Oxford, a mais antiga de língua inglesa e a segunda mais antiga da Europa. Também é possível tentar a sua chance em Bristol e Kingston, que, assim como em Portugal, podem ter outros critérios de seleção além da nota na prova. Pode ser solicitada, por exemplo, a comprovação da fluência em inglês, o seu histórico escolar no ensino médio e uma relação de atividades extracurriculares desenvolvidas por você aqui no Brasil.

Ainda, é possível que, além da nota do Enem, você precise realizar um vestibular local. Se você está pensando nessa região para estudar, talvez se interesse também pela Universidade de Glasgow, na Escócia, que também aceita Enem como parte da inscrição. As informações (em inglês) podem ser encontradas no site do local.

França

Parlez-vous français? Se a resposta foi sim, você talvez queira usar a sua nota do Enem para estudar na França. Porém, lá o processo pode ser um pouco mais complexo e, novamente, vai exigir de você muita organização e fluência no idioma. Você não quer passar pelos mesmo perrengues que a Emily em Paris, não é mesmo?

Então, saiba que uma das exigências para ingressar nas universidades francesas é a aprovação em uma universidade brasileira, seja pública ou privada. Assim, o curso precisa ser semelhante com aquele que você quer fazer na França. Porém, se você não passou em nenhuma ou em uma instituição que não aceita o Enem (como a USP), pode apresentar como comprovante de acesso uma declaração de admissão oficial, em um curso na mesma área de estudos da que pretende ingressar na França.

Então estava pensando que estudar fora com a nota do Enem seria mais tranquilo que no Brasil? Além de tudo isso, você tem que comprovar a proficiência em francês e ter um histórico escolar impecável. Ainda, é possível que cada universidade peça outros documentos que complementem as informações sobre você. Entre as opções francesas estão as universidades Paris 6 e Paris 11. Então… Nada mal, né?

América do Norte

Agora, se você não tem a intenção de ir para o outro lado do Atlântico, há oportunidades aqui mesmo nas Américas. A New York University pode ser a sua escolha caso queira ir para os Estados Unidos. Isso porque, devido à falta de preparação dos estudantes estrangeiros para as provas tradicionais norte-americanas, elas acabavam sendo um empecilho para o ingresso. Portanto, a instituição passou a aceitar recentemente os exames de outras nacionalidades. Legal, né? Mas, nesse caso, mesmo podendo usar a própria nota, a escola em que o candidato fez o ensino médio precisa confirmá-la.

Já no Canadá, a Universidade de Toronto pode ser o seu destino para estudar fora. Além de apresentar a sua nota, é preciso também mostrar o diploma ou certificado de conclusão do ensino médio.

Se você começou a pensar agora nessa possibilidade de estudar fora durante a graduação, lembre-se de que:

  • é necessário se organizar e contabilizar todos os custos envolvidos nesse processo;
  • você precisa bancar, além de financeiramente, emocionalmente essa mudança. Busque ajuda se for necessário;
  • é imprescindível que você saiba se virar MUITO bem no idioma do local para onde pretende ir, pois isso ajudará muito na adaptação;
  • se você está iniciando os estudos no ensino médio agora, terá mais tempo para se preparar para estudar fora. Inclua o estudo de idiomas no seu cronograma e acompanhe os canais oficiais das instituições estrangeiras;
  • é preciso ter uma boa nota geral no Enem, então estude muito. Mais do que isso: estude muito redação, que equivale a 20% da sua nota final. Isso pode jogar sua média lá pra cima!

Gostou dessas dicas? Então, conta aí pra gente nos comentários se você pretende usar a nota do Enem para estudar fora do Brasil!

Ah, lembre-se de estudar redação durante a preparação para o ENEM! Ela corresponde a 20% da nota e pode te ajudar a alcançar uma pontuação excelente para conseguir estudar no exterior! Por isso, conte com o auxílio da nossa plataforma de correção de redações!

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é ad-3-1-1024x536.jpg
<a href="https://redacaonline.com.br/blog/author/claudiabechler/" target="_self">Cláudia Bechler</a>

Cláudia Bechler

Bacharela e Licenciada em Letras Português e Literaturas de Língua Portuguesa pela UFSC. Mestra em Linguística pelo Programa de Pós-graduação em Linguística da UFSC.
Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM