O mito da meritocracia e as desigualdades sociais | Repertórios para o tema

por | set 24, 2021

Quer saber mais sobre o mito da meritocracia e as desigualdades sociais? Confira alguns repertórios que listamos para o tema!

A discussão sobre meritocracia no Brasil tem aumentado nos últimos anos. Quem defende essa ideia acredita que basta você se esforçar para alcançar – e merecer – sucesso. Já quem critica afirma que a meritocracia é um mito, uma vez que ela não condiz com a realidade e só aprofunda as desigualdades sociais entre classe, raça e gênero.

Nesse sentido, a questão levantada é: para alcançar o tão desejado sucesso, não basta apenas esforço individual, é necessário ter oportunidades.

Foi pensando nesse debate que selecionamos alguns repertórios socioculturais para você utilizar na redação e se aprofundar no tema da semana: O mito da meritocracia e as desigualdades sociais. Vamos lá?

VÍDEO | Meritocracia e privilégios

Você já parou para refletir sobre privilégios? Neste vídeo, o Rafael Takanashi apresenta o que é privilégio e a sua relação com o sistema meritocrático. Para ilustrar, ele explica como a população negra foi desfavorecida historicamente desde o regime de escravatura no Brasil. Hoje, como reflexo do passado, as pessoas negras possuem menos acesso à educação, moradia e saúde em relação a pessoas brancas.

A partir disso, o vídeo mostra que a ideia de igualdade de oportunidades que a meritocracia tanto defende na verdade não existe e, para além disso, ainda mascara a desigualdade social que vivemos.

VÍDEO | Desigualdade social e meritocracia

Neste vídeo, do Politize!, você pode entender um pouco mais sobre o conceito de meritocracia, as duas visões opostas sobre ela e o problema da ideologia meritocrática: o não reconhecimento das desigualdades sociais.

Para explicar esse problema, o vídeo apresenta o conceito de justiça do filósofo John Rawls. Para o autor, as diferenças entre as pessoas resultam de uma “loteria natural”, em que alguns já nascem com vantagens sociais em relação a outros.

Diante disso, o autor afirma que para todas as pessoas serem tratadas como iguais – assim como defende a meritocracia –, é necessário que elas tenham as mesmas oportunidades em uma sociedade.

Artigo | O que é equidade?

Já que estamos falando de oportunidades, você sabe o que é equidade? Este artigo, do Politize! e do Instituto Mattos Filho, explica a diferença entre igualdade e equidade e o motivo desta última ser uma prática fundamental para a promoção da justiça social. Sobre isso, ele diz o seguinte:

“A adoção de políticas baseadas na equidade carrega valores humanitários que buscam melhorar a sociedade em seus diversos campos. As desigualdades ainda estão muito presentes em nossa realidade e o princípio da igualdade mostrou-se insuficiente para as reduzir, por não reconhecer as necessidades próprias que muitos indivíduos e grupos têm.” 

Basicamente, a diferença é que a equidade (ao contrário da igualdade) reconhece as diferenças sociais e oferece as condições necessárias para que as populações vulneráveis possam alcançar as demais. Um conceito interessante para você utilizar na redação, né?

O artigo está disponível aqui.

ENTREVISTA | A meritocracia é um mito que alimenta as desigualdades, diz Sidney Chalhoub

Nesta entrevista, o professor de história Sidney Chalhoub fala sobre a importância das cotas étnico-raciais nas universidades. Na ocasião, ele aponta que as pessoas que são contra às cotas e programas sociais geralmente utilizam argumentos meritocráticos para deslegitimar a importância delas.

Em vista disso, ele afirma que as ações afirmativas são importantes para a reparação e promoção da justiça social, pois é uma forma de diminuir as desigualdades e dar oportunidades para pessoas negras, indígenas e pobres ingressarem na universidade. Nas palavras dele:

A meritocracia como valor universal, fora das condições sociais e históricas que marcam a sociedade brasileira, é um mito que serve à reprodução eterna das desigualdades sociais e raciais que caracterizam a nossa sociedade. Portanto, a meritocracia é um mito que precisa ser combatido tanto na teoria quanto na prática.”

Leia a entrevista completa aqui.

TED | A tirania do mérito

Nesta TED, o filósofo estadunidense Michael J. Sandel fala sobre como o discurso da meritocracia reforça a polarização entre a sociedade e escancara a desigualdade social. Ele também nos convida a refletir sobre a dignidade do trabalho e o significado de sucesso.

Nas palavras dele, “o trabalho não é só sobre ganhar a vida”. É sobre contribuir para a sociedade e ser reconhecido por isso. Uma enfermeira, um entregador de delivery ou um gari deveria ter o mesmo reconhecimento que um médico, por exemplo, pois eles também contribuem para a sociedade.

Porém a gente sabe que a desigualdade social também se manifesta nos trabalhos, não é? A solução que ele propõe para acabar com isso é a garantia de empregos dignos e salários justos.

Assista ao vídeo com tradução aqui.

SÉRIE | 3%

Agora vamos de entretenimento? Você já viu a série 3%? É uma série brasileira de ficção científica distópica, lançada pela Netflix, que aborda justamente o nosso tema da semana: meritocracia e desigualdades sociais.

A história se passa em um futuro distante e apresenta a sociedade dividida em duas regiões: de um lado, o Continente (onde há miséria); do outro lado, o Maralto (onde há abundância).

Na série, os jovens que fazem 20 anos e vivem no Continente passam por uma prova rigorosa chamada Processo, cujo slogan é “Você é o criador do seu próprio mérito”. Nesta prova, apenas 3% da população tem direito de chegar no Maralto, ou seja, de ascender socialmente. O restante, 97%, continua vivendo em um mundo de extrema pobreza.

Já viu que é um bom repertório, né? Então prepara a pipoca! 🙂

A série está disponível na Netflix.

Agora que você tem vários repertórios para o tema “O mito da meritocracia e as desigualdades sociais”, bora praticar? Escreva a sua redação e envie em nossa plataforma. Nós corrigimos ela em até 3 dias úteis!

<a href="https://redacaonline.com.br/blog/author/marinadias/" target="_self">Marina Dias</a>

Marina Dias

Bacharela em Letras Língua Portuguesa e Literaturas pela UFSC, revisora de textos e redatora.
Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM