Crise energética no Brasil | Repertórios para o tema

por | dez 8, 2021

Quer saber mais sobre “Crise energética no Brasil”? Confira alguns repertórios que listamos para o tema!

A crise energética no Brasil tem preocupado a população em geral. Isso porque os apagões e o racionamento de energia podem fazer com que o país enfrente diversas consequências, como o aumento do desemprego e a inflação – que, aliás, já se manifesta com a alta do preço de alimentos e energia.

Além disso, o tema também abre a discussão para a importância de diversificar a matriz energética como uma forma de evitar o problema no futuro, uma vez que a principal fonte do país são as hidrelétricas.

Para ajudar você a escrever a redação sobre o tema “Crise energética no Brasil”, selecionamos alguns repertórios socioculturais que podem enriquecer a sua tese. Boa leitura!

Matéria | Diferentes partes do mundo enfrentam crises energéticas

Esta matéria transmitida pela CNN Brasil mostra que a crise energética não está acontecendo apenas no território brasileiro. Países como a China e Reino Unido também estão enfrentando problemas na geração e distribuição de energia por diferentes motivos, o que influencia na alta de preços e prejudica a retomada global da economia após o período crítico da pandemia.

Assista à matéria a seguir:

Vídeo | Os fatores que fazem disparar risco de apagão no Brasil

Este vídeo da BBC explica os fatores que contribuem para o risco de ocorrer apagões no Brasil, principalmente em épocas mais quentes em que há picos de consumo de energia. O vídeo também explica a crise energética de 2001 e como a crise atual está relacionada à crise hídrica.

Ademais, diferentes especialistas opinam sobre se o governo federal deveria ter adotado um racionamento de energia severo para conter a crise, assim como foi feito em 2001. Confira no vídeo:

História | Crise energética de 2001

A crise energética que ocorreu no Brasil em 2001, mais conhecida como a “crise do apagão”, é um ótimo repertório histórico que você pode utilizar na sua redação. Selecionamos dois artigos que comparam a crise atual com a que ocorreu há 20 anos atrás. Confira!

Artigo | Como a crise atual do setor elétrico se compara a 2001

Este artigo do jornal Nexo conta como a atual crise de energia se assemelha à crise que ocorreu em 2001 no governo de Fernando Henrique Cardoso. Na época, a escassez de chuvas também foi considerada um fator que dificultou a geração de energia, mas não somente: a falta de investimento e planejamento na geração e distribuição de energia por conta do governo federal também contribuiu para a crise.

Além disso, a falta de diversificação da matriz energética já era apontada como um problema, uma vez que cerca de 90% da energia do país era gerada pelas hidrelétricas. Segundo o Nexo, atualmente essa porcentagem é de 63% e é comum que haja o acionamento de termelétricas em momentos de seca.

Leia o artigo completo aqui.

Artigo | Crise energética no Brasil: o que mudou nos últimos 20 anos

Neste artigo da Revista Piauí, especialistas afirmam que apesar da matriz energética ter sido diversificada desde 2001, com a criação de usinas eólica e fotovoltaica, ainda há necessidade de um maior investimento em fontes de energia renováveis no Brasil, onde o cenário é favorável.

Segundo o professor do departamento de Ciências da Administração da UFSC, André Luís da Silva Leite, “A crise de energia atual, por falta d’água, decorre mais por uso ineficiente da água, ainda nosso principal insumo, no ano anterior, do que apenas por poucas chuvas.”

Acesse o artigo completo neste link.

Filme | Mad Max: estrada da fúria (2015)

Você já viu o filme “Mad Max: estrada da fúria”? O quarto filme da franquia de ficção científica, dirigido por George Miller, narra uma história que se passa em um mundo pós-apocalíptico em que a escassez de recursos naturais – como energia, combustível e água – é motivo de conflitos políticos, econômicos e sociais.

O filme abre uma reflexão sobre como momentos de crise e escassez de recursos podem aprofundar as desigualdades, favorecendo um cenário de caos social e guerras.

Assista ao trailer a seguir:

Documentário | “Futuro energético” (2010)

O documentário “Futuro energético” (2010), produzido pelo Discovery HD Showcase, discute sobre a importância de diversificar a matriz energética e investir em fontes de energia renováveis, como a hidrelétrica, eólica, solar e geotérmica.

Além disso, o documentário ressalta que a geração de energia a partir de combustíveis fósseis – as termelétricas – não são sustentáveis, uma vez que contribui para a emissão de gases de efeito estufa.

O documentário está disponível no Youtube. Confira:

Documentário | “Sol de Norte a Sul” (2016)

Um dos maiores desafios no Brasil é investir em outras fontes de energia renováveis, além das hidrelétricas. O documentário “Sol de Norte a Sul” (2016), produzido pela Greenpeace Brasil, retrata os desafios e benefícios da geração de energia solar.

Além de mostrar que ela é uma alternativa sustentável para o planeta, o documentário mostra os benefícios sociais dessa fonte de energia no Brasil e os entraves para a sua disseminação no país.

“Sol de Norte a Sul” está dividido em partes e disponível no Youtube neste link.

E aí, o que você achou dos repertórios? Esperamos que eles sejam produtivos para a sua tese. Agora, é só colocar a mão na massa! Escreva a sua redação sobre o tema “Crise energética no Brasil e envie em nossa plataforma que a corrigimos em até 3 dias úteis!

<a href="https://redacaonline.com.br/blog/author/marinadias/" target="_self">Marina Dias</a>

Marina Dias

Bacharela em Letras Língua Portuguesa e Literaturas pela UFSC, revisora de textos e redatora.
Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM