Palavras para você EVITAR na redação

por | set 22, 2021

Já pensou perder pontos na redação do ENEM porque você não se expressou direito, usou uma palavra ou expressão inadequada? Pois é, isso acontece muito. Mas calma! Estamos aqui para te ajudar!

Na redação do ENEM, além da banca avaliar se você possui um bom repertório e argumentos consistentes, ela também analisa o seu vocabulário e se você domina a modalidade escrita formal da Língua Portuguesa. Por isso, é importante que você cuide com as palavras.

Foi pensando nisso que selecionamos as principais palavras para evitar na redação do ENEM. Confira a seguir!

Palavras difíceis

Quando falamos que você deve dominar a escrita formal, não significa que você deve escrever difícil, ok? Muitos candidatos usam palavras rebuscadas para impressionar a banca avaliadora, como “hodiernamente” ou “idiossincrasia”. Mas vai por mim, não caia nessa!

Na maioria das vezes, o candidato usa uma palavra rebuscada sem saber o seu real significado e ela acaba não fazendo sentido no contexto da redação. Um erro assim, segundo a competência 1, caracteriza-se como um desvio de escolha vocabular.

Um caso comum relacionado a esse desvio, segundo o Inep, é quando o candidato escreve uma palavra inexistente derivada de outra que já existe, por exemplo, “registramento” (criada a partir do verbo “registrar”).

Evite também o uso de mesóclise, como “vê-lo-ei”. Afinal, cá entre nós, quem utiliza essa colocação pronominal hoje? Opte por palavras que fazem parte do seu dia a dia. Sem floreios! Quanto mais simplicidade e clareza melhor. Combinado?

Gírias, interjeições e internetês

A segunda dica é: evite gírias, interjeições e “internetês”. Na competência 1, os desvios de informalidade/marca de oralidade também são avaliados. Isso quer dizer que você deve evitar expressões coloquiais e vícios de linguagem, por exemplo:

  • “tipo assim”
  • “cara”
  • “daí”
  • “é isso aí”
  • “um monte” etc.

Da mesma forma que você deve evitar interjeições (como “ah”, “poxa”, “hein” e “putz”) e o “internetês”, que se refere à linguagem utilizada na internet, por exemplo, “vc”, “tbm” e “pq”.

Então, já entendeu né? Nada de exagerar no formalismo e, muito menos, escrever como se fala!

Reduções e abreviaturas

Além das expressões informais citadas anteriormente, evite também o uso de reduções e abreviaturas. Esse uso é muito presente na nossa fala e caracteriza uma marca de oralidade.

O Inep cita como exemplo algumas reduções comuns, como “tá” e “tão” (que derivam do verbo “estar”). Neste caso, o correto seria utilizar as formas “está” e “estão”, respectivamente. Outros exemplos de reduções são “pra” (para) e “pros” (para os).

No caso de abreviaturas, evite o uso de “p/” (no lugar de “para”) ou “c/” (no lugar de “com”).

Diminutivos e aumentativos

O uso de diminutivos e aumentativos, segundo a competência 1, também entra na lista das palavras que você deve evitar na redação. Por exemplo, “pouquinho” e “muitão”.

Estrangeirismos

Por conta da globalização, alguns termos estrangeiros – principalmente da língua inglesa – passaram a ser usados com mais frequência entre os falantes brasileiros. Porém, não esqueça que a redação do ENEM avalia o domínio da Língua Portuguesa. Por isso, é necessário que você utilize palavras que são próprias da nossa língua.

Muitas vezes, fazemos uso da língua inglesa para uma palavra que até mesmo já existe em português. Como é o caso de e-commerce ou hot dog, por exemplo. Para estes casos, prefira “comércio eletrônico” e “cachorro quente”.

Claro, se uma palavra estrangeira for realmente necessária para o contexto do tema proposto você pode utilizá-la. Digamos que você esteja escrevendo uma redação cujo tema se relacione com o home office. Embora você possa utilizar o termo “trabalho remoto”, ou “trabalho em casa” em português, sabemos que o termo home office nos últimos anos tem se tornado mais comum.

Enfim, avalie sempre o alcance da palavra. Na dúvida, opte por palavras da nossa língua que não vai ter erro!

Palavrões

Nunca escreva palavrões ou palavras de baixo calão na redação do ENEM. Isso pode zerar a sua redação! As palavras de “baixo calão” – ou impropérios – são aquelas consideradas ofensivas e grosseiras em qualquer situação.

De acordo com o manual do Inep sobre situações que levam à nota zero, por mais que a sua intenção não seja ofender alguém, o uso dessas palavras pode caracterizar “parte desconectada” do texto e zerar a redação. Então, evite-as sempre.

Expressões e frases prontas

Por fim, evite os clichês! Certamente, você já viu na internet um conteúdo, ou mesmo um especialista em redação, indicando frases prontas e expressões que servem para “qualquer tema”. São frases como estas:

  • “Nos dias de hoje”
  • “No mundo em que vivemos”
  • “Desde épocas remotas”

Essas frases citadas acima são muito batidas e podem ser vistas como um vício de linguagem. Afinal, quem nunca iniciou uma redação com essas frases? Quanto às expressões prontas costumam reforçar um senso comum ou generalizar uma determinada ideia. Veja alguns exemplos:

  • “A sociedade precisa se conscientizar”
  • “É preciso acabar com a corrupção”
  • “Brasileiro não sabe votar”

Essas formas de construção na maioria das vezes expressam uma ideia vazia e podem tirar seus pontos na competência que avalia o repertório. Veja, já sabemos que “a sociedade precisa se conscientizar”. A questão é: mas COMO? 

Além dessas expressões, como já comentamos neste post, algumas citações de filósofos também já viraram clichês. Sabe aquela citação famosa do Durkheim ou do Bauman? Avalie se ela realmente faz sentido para o contexto do tema.

Ao elaborar uma redação do ENEM, você precisa apresentar argumentos e soluções para o problema. Neste momento, é muito importante que os repertórios façam sentido. Então, não se prenda às receitas prontas. Leia bastante, fique por dentro das atualidades e pratique a escrita. Assim, você evita escrever o mais do mesmo e ainda garante aquele notão!

E aí, gostou do post de hoje? Agora que você conhece as palavras para evitar na redação do ENEM, que tal conferir outras dicas sobre o que não fazer na redação? Confira agora!

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é ad-3-1-1024x536.jpg
<a href="https://redacaonline.com.br/blog/author/marinadias/" target="_self">Marina Dias</a>

Marina Dias

Bacharela em Letras Língua Portuguesa e Literaturas pela UFSC, revisora de textos e redatora.
Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM