Como funciona a redação do vestibular Unesp?

por | dez 16, 2021

Vai fazer a redação do vestibular da Unesp? Saiba como funciona a redação e prepare-se para o dia da prova!

A redação da Unesp será cobrada na segunda etapa do vestibular, que acontecerá no próximo domingo (19). Nesse dia, além da redação, serão avaliadas 60 questões objetivas de múltipla escolha, divididas entre as áreas de Linguagens e Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática.

A redação é uma das maiores preocupações de quem está prestando vestibular. Afinal, ela tem um grande peso na nota final da prova. Por isso, fizemos este artigo para explicar para você como funciona a redação da Unesp, quais são os critérios de avaliação e os últimos temas cobrados.

No final do artigo, também daremos algumas dicas para você se sair bem na redação e garantir a vaga tão sonhada em uma das melhores universidades do país. Continue a leitura!

Como funciona a redação da Unesp?

A redação da Unesp faz parte da segunda etapa do vestibular. Essa etapa possui caráter classificatório e vale 28 pontos dos 100 pontos totais desta etapa do processo seletivo.

Assim como no Enem, a redação exigida pela Unesp é um texto dissertativo-argumentativo. Portanto, com base nos textos motivadores e no seu conhecimento de mundo, você deverá apresentar o seu ponto de vista sobre o tema de redação e defendê-lo com bons argumentos.

No entanto, diferente da redação do Enem, você não precisará apresentar uma proposta de intervenção na conclusão. Assim, ao final da redação, espera-se que você apenas apresente uma consideração final de acordo com os argumentos apresentados ao longo do texto.

Como a redação da Unesp é avaliada?

Para se sair bem na redação, é importante que você conheça os critérios de avaliação da instituição. Assim, você se sentirá mais preparado/a no dia da prova e conseguirá desenvolver uma boa redação.

Segundo o manual do candidato da Unesp, a avaliação é realizada conforme três critérios: tema, estrutura e expressão. Veja a seguir o que se avalia nesses três critérios:

  • tema: avalia-se, neste critério, se o texto está dentro do tema proposto e se não houve fuga do tema (motivo que pode zerar a redação);
  • estrutura (gênero/tipo de texto e coerência): avaliam-se os aspectos de um texto dissertativo-argumentativo, ou seja, se o participante soube organizar os seus argumentos para sustentar a sua tese, além de avaliar o seu repertório e a coerência das ideias;
  • expressão (coesão e modalidade): consideram-se os aspectos referentes à coesão textual (elementos coesivos como anáforas, catáforas, substituições, conjunções etc.) e ao domínio da norma-padrão da língua portuguesa (ortografia, acentuação, pontuação, regência, concordância, bem como a escolha lexical e o grau de formalidade/informalidade das palavras).

Quando a redação pode ser zerada?

Como vimos, uma redação dentro dos parâmetros da Unesp deve obedecer o tema proposto, a estrutura do texto dissertativo-argumentativo e, claro, a norma-padrão da língua portuguesa.

Porém, há também alguns critérios para que uma redação seja zerada e, por isso, você deve evitar ao máximo esses erros. São eles:

  • fugir do tema e/ou gênero proposto; 
  • apresentar nome, rubrica, assinatura, sinal, iniciais ou outras marcas de identificação;
  • entregar a folha de redação em branco;
  • apresentar um texto de forma não articulada verbalmente (desenhos, números e/ou palavras soltas);
  • escrever a redação em língua estrangeira;
  • apresentar letra ilegível e/ou incompreensível;
  • escrever apenas 7 linhas ou menos (sem contar o título);
  • apresentar um texto com cópia de trechos integrais da coletânea ou de outras partes da prova;
  • apresentar um texto idêntico ou muito semelhante a outra redação do processo seletivo;
  • apresentar impropérios, trechos jocosos ou recusa explícita de cumprir a proposta de tema.

Quais foram os últimos temas cobrados?

Uma boa forma de se inspirar e se preparar para a redação é conhecer os temas cobrados nos vestibulares anteriores. Para ajudar você a ter uma ideia das temáticas propostas na redação do vestibular da Unesp, selecionamos os temas cobrados nos últimos cinco anos. São eles:

  • 2021: “Tempo é dinheiro?
  • 2020: “O carro será o novo cigarro?”
  • 2019: “Compro, logo existo?
  • 2018: “O voto deveria ser facultativo no Brasil?”
  • 2017: “A riqueza de poucos beneficia a sociedade inteira?”

Como fazer uma boa redação da Unesp?

Agora que você já sabe como funciona a redação da Unesp, confira a seguir algumas dicas práticas que ajudarão você a garantir uma ótima nota!

Faça um projeto de texto

Essa dica vale para toda redação de vestibular: projete o seu texto. Ou seja, antes de escrever na folha de entrega, use o rascunho para projetar as ideias da sua redação, definir o seu ponto de vista e os argumentos que você irá utilizar para sustentá-lo.

Aproveite este momento para pensar também nos repertórios que serão produtivos para os seus argumentos e como você irá concluir a redação. Após fazer o esboço, passe a redação a limpo na folha oficial de entrega.

Foque no tema de redação

Essa dica parece óbvia, mas acredite: não é! A pressão do momento muitas vezes faz com que os/as participantes não prestem tanta atenção na frase temática e nos textos motivadores, o que pode ocorrer fuga do tema – erro que, como vimos, pode zerar a redação.

Sendo assim, leia com atenção a frase temática e os textos de apoio. Aproveite para circular as palavras-chave e/ou dados importantes dos textos. Lembre-se que eles estão ali para servir de inspiração para você! O ideal é que você saiba interpretar as informações dos textos de apoio, o tema proposto e associá-los à sua argumentação.

Faça uma boa argumentação

Como já falamos, a argumentação é a base de um texto dissertativo-argumentativo. Assim, é necessário que você defina o seu posicionamento sobre o tema e, depois, selecione os argumentos para defendê-lo.

A argumentação na redação Unesp deve ser bem consistente. Por isso, assim como na redação do Enem, você pode fazer uso de citações, dados de pesquisas, livros, filmes ou casos que você viu nos jornais para fundamentá-la. Mas, é claro, lembre-se que o repertório deve ser coerente com a tese e os argumentos apresentados, certo?

Administre o tempo da prova

Por último, administre o tempo da prova! Defina o tempo necessário para realizar as questões de múltipla escolha e a redação. Lembre-se que a duração da prova é de 5 horas. Então, reserve um tempo para projetar o texto e passá-lo a limpo. Seguindo esses passos e mantendo a calma, temos certeza que você irá se sair bem!

Gostou de saber como funciona a redação da Unesp? Esperamos que este conteúdo ajude você a se preparar para a segunda etapa de vestibular e se tranquilizar para a prova!

Se você precisar de ajuda, pode contar com a gente! Confira os nossos planos e aproveite para treinar até lá. Não se esqueça de enviar o se rascunho pra gente após a prova! No mais, o Redação Online deseja a você uma ótima prova!

<a href="https://redacaonline.com.br/blog/author/marinadias/" target="_self">Marina Dias</a>

Marina Dias

Bacharela em Letras Língua Portuguesa e Literaturas pela UFSC, revisora de textos e redatora.
Assine um plano do Redação Online
Como fazer uma Redação do zero
Guia da Redação ENEM: tudo o que você precisa saber
Como tirar nota mil na Redação ENEM