Com base nos textos motivadores abaixo, produza uma redação dissertativo-argumentativa sobre o tema: Voto nulo, branco e abstenção como mecanismos de protesto.
Texto 1
Mais de 204.100 pessoas (5,5% dos eleitores) votaram em branco no Rio e outras 473.324 pessoas (12,76%) anularam seu voto. A soma dos dois percentuais representa um alta de 35% em relação as eleições municipais de 2012, e favoreceu para tornar o Rio a capital donão voto nessas eleições. A soma dos votos brancos e nulos e a abstenção, que foi de 24,28%, superou os votos conquistados pelos vencedores do primeiro turno, Marcelo Crivella (PRB) e Marcelo Freixo (PSOL) juntos.
Em São Paulo, João Doria teve uma vitória avassaladora, uma conquista sem precedentes com mais de três milhões de votos. Mas também aqui, os que não votaram em nenhum dos candidatos superaram os eleitores do empresário. Em uma tendência similar à do Rio, os votos brancos e nulos aumentaram 30% de 2012 para cá até 16,64%, enquanto a abstenção cresceu 18% se situando em 21,84% (a média nacional foi de 17,58%). São percentuais que não se viam desde 1996. Os dados chamaram a atenção até do presidente Michel Temer, que viu no resultado do pleito um recado. “É um sentimento de decepção com toda a classe política”, afirmou durante encontro com a imprensa em Buenos Aires.

Fonte: http://brasil.elpais.com/brasil/2016/10/03/politica/1475522954_666169.html

Redação enem

Texto 2
Ao longo das últimas três eleições (2002, 2006 e 2010), o “não voto” parece ter emergido como umas das principais vozes de oposição. Trata-se de uma negativa conferida por parte do eleitorado aos modos usuais de se fazer política, abarcados, neste caso, tanto os partidos e candidatos quanto o próprio modelo de representação em si. O “não voto” manifesta-se, comumente, na forma do voto em branco ou nulo ou por meio da abstenção eleitoral, e contribuem para o seu crescimento três variáveis: 1) o descrédito do eleitorado em relação aos partidos políticos e aos candidatos; 2) os altos índices de percepção da corrupção; e 3) a ideia equivocada de que o voto em branco ou nulo, se iguais ou superiores a 51% dos votos, invalidam o processo eleitoral.

Fonte: http://www.vermelho.org.br/noticia/244926-1

Texto 3

charge.jpg

Fonte: http://2.bp.blogspot.com/_duDJ1LNCnfQ/TMwzgKAjcoI/AAAAAAAALxs/z7xVKN3gvfk/s1600/charge.jpg